sexta-feira, 26 de março de 2010

O Aquecimento Global - causas naturais

Como fonte primária de praticamente toda a energia que chega até a Terra, a radiação solar que nos atinge sofre modificações em sua intensidade devido a vários fatores, como os processos físicos que ocorrem no  interior do Sol. Por ser uma estrela, sua principal fonte de energia é a queima de combustível nuclear - em um processo físico conhecido por fusão nuclear. Estes processos são estudados há longos anos por astrofísicos, e ainda existem muitas questões não resolvidas cientificamente. Isto afeta, entre outras coisas, a chamada variabilidade solar, que são as mudanças ocorridas na quantidade, intensidade, de energia solar que chega até a atmosfera terrestre. Além disto, outros fatores aqui na terra provocam mudanças na forma como a radiação solar atinge a superfície do nosso planeta e interage com os demais componentes do sistema climático (atmosfera, litosfera, biosfera, hidrosfera e criosfera). Fatos assim produzem mudanças climáticas - locais e globais -, que são consideradas naturais.

O comportamento dos oceanos, as alterações na circulação oceânica, as modificações de comportamento do El Niño e da La Niña (o primeiro diz respeito ao aquecimento de uma parte da superfície oceânica, enquanto a segunda se refere a um esfriamento; brevemente postaremos um artigo sobre este tema), são outros exemplos de causas naturais que podem produzir mudanças climáticas. Na realidade, a questão não é assim tão simples, e de fato as mudanças climáticas podem modificar esses processos oceânicos. Dito de outra forma, um afeta e é afetado pelo outro, de forma não simétrica e óbvia, mostrando a dificuldade enfrentada pelos cientistas e, desta forma, tornando o tema cientificamente fascinante.

Existem vários indícios de que as erupções vulcânicas também podem provocar mudanças climáticas globais (é certamente verdadeiro que causam profundas mudanças locais). Outras causas naturais também são capazes de modificar o clima em nosso planeta, incluindo alterações na órbita, no eixo de rotação da Terra, choques com objetos celestes, radiações cósmicas, etc.

Com respeito a essas causas, naturais, pouco ou nada podemos fazer. No entanto, o grande debate mundial se debruça sobre a questão da influência das atividades humanas no planeta, que possam levar a modificações no clima - o chamado efeito antropogênico. Para adentrarmos um pouco mais neste debate, precisamos saber algo a respeito dos gases de efeito estufa, o que será discutido no próximo tópico.
Antes disto, aproveitem e venham assistir à palestra do Dr. Carlos Nobre, pesquisador titular do INPE e membro do IPCC, nesta segunda-feira, dia 29, às 10 horas da manhã, no Auditório Prof. Otto de Brito Guerra, da Reitoria da UFRN, que discorrerá sobre "Mudanças Climáticas Globais e o Brasil".

5 comentários:

  1. Muito ruim! PUFFFFFFFFFFFFF

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isto não dá para nada cara

      Excluir
  2. ruinzinho mesmo , melhora aew kara

    ResponderExcluir
  3. ruim és tu ó otário

    ResponderExcluir
  4. bom , as pessoas falam que é ruim porque não fazem melhor ??

    ResponderExcluir